Bactéria pode ajudar no desenvolvimento de mudas pré-brotadas

23/02/2021 Cana-de-Açúcar POR: Eddie Nascimento

Uma pesquisa realizada por cientistas da Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) descobriu benefícios no uso de um microrganismo em mudas pré-brotadas de cana-de-açúcar.

Através do uso de uma bactéria chamada Bacillus aryabhattai, os pesquisadores concluíram através de experimentos que o bacilo influenciou no crescimento de raízes afetando também a massa das plantas, o diâmetro e a altura do colmo das mudas.

O estudo completo é liderado por André May e Michelli de Souza dos Santos, da Embrapa Meio Ambiente; Evandro Henrique Figueiredo Moura da Silva e Nilson Aparecido Vieira Junior da Universidade de São Paulo (USP), Ronaldo da Silva Viana da Universidade Estadual Paulista (UNESP), Nilza Patrícia Ramos e Itamar Soares de Melo da Embrapa Meio Ambiente.

A pesquisa revelou que ao longo do período experimental houve queda no número de mortalidades, aumento na altura das plantas, no número de folhas, além de outras características importantes da cana. Além disso, apontou que, o desenvolvimento das raízes foi influenciado pelo uso do ativo, mas levou em consideração também o cultivo e a quantidade de água no sistema.

É importante destacar que novos testes devem ser feitos já que a pesquisa apontou uma grande variação na resposta do ativo, conforme o material genético utilizado.

O estudo completo foi publicado na Research, Society and Development, v. 10, n. 2, e11510212337, 2021 (CC BY 4.0), acesso aqui