atendimento@revistacanavieiros.com.br (16) 3946-3300

Governador de São Paulo valoriza a indústria de cana-de-açúcar durante evento para empresários em Nova York

21/05/2015 Cana-de-Açúcar POR: Assessoria de Imprensa
O etanol e a energia extraída da cana, com uma participação crescente na economia, segue na agenda política do governo de São Paulo. A declaração do governador do Estado, Geraldo Alckmin, no Seminário Lide Business Meeting, promovido no dia 13 de maio, no  Harvard Club, em Nova York (EUA), deixou empresários e investidores do setor sucroenergético mais confiantes quanto ao futuro da indústria em São Paulo.
Para o governador, os produtos canavieiros, assim como a mecanização da colheita para eliminar a queima e a qualificação da mão de obra, são motivos de orgulho para o agronegócio nacional. Além disso, ao lembrar da extensa e eficaz cadeia produtiva instalada no Estado, Alckmin defendeu os fortes atrativos da indústria para a geração de novos negócios.
"Nós vamos atravessar o atual momento do Brasil com investimento, desenvolvimento e produtividade”, afirmou o governador.
Presente ao encontro, a presidente da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA), Elizabeth Farina, elogiou o discurso do representante de São Paulo. Para ela, os demais Estados deveriam seguir o exemplo paulista e agora também o mineiro, que ao adotarem um diferencial tributário estimulam o consumo do combustível limpo e renovável, provocando, por consequência, um expressivo benefício na economia e na produção industrial local.
“A apresentação feita pelo Governador e os depoimentos dos empresários que já investem em São Paulo demonstra que um dos mais importantes atrativos do Estado é a confiança na estabilidade das regras do jogo e a transparência. As referências do Governador a indústria de cana-de-açúcar mostram que o setor continua na agenda política e econômica do Estado. ”
Promovido pelo LIDE – Grupo de Líderes Empresariais e pela Câmara de Comércio Brasileira - Americana (Brazilian - American Chamber of Commerce), e com foco nas possibilidades de investimentos no Estado de São Paulo, o seminário reuniu centenas de empresários e investidores nacionais e internacionais. O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, depois de ser homenageado na noite anterior com o Prêmio Personalidade do Ano, participou da abertura do evento.
O etanol e a energia extraída da cana, com uma participação crescente na economia, segue na agenda política do governo de São Paulo. A declaração do governador do Estado, Geraldo Alckmin, no Seminário Lide Business Meeting, promovido no dia 13 de maio, no  Harvard Club, em Nova York (EUA), deixou empresários e investidores do setor sucroenergético mais confiantes quanto ao futuro da indústria em São Paulo.
Para o governador, os produtos canavieiros, assim como a mecanização da colheita para eliminar a queima e a qualificação da mão de obra, são motivos de orgulho para o agronegócio nacional. Além disso, ao lembrar da extensa e eficaz cadeia produtiva instalada no Estado, Alckmin defendeu os fortes atrativos da indústria para a geração de novos negócios.
"Nós vamos atravessar o atual momento do Brasil com investimento, desenvolvimento e produtividade”, afirmou o governador.
Presente ao encontro, a presidente da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA), Elizabeth Farina, elogiou o discurso do representante de São Paulo. Para ela, os demais Estados deveriam seguir o exemplo paulista e agora também o mineiro, que ao adotarem um diferencial tributário estimulam o consumo do combustível limpo e renovável, provocando, por consequência, um expressivo benefício na economia e na produção industrial local.
“A apresentação feita pelo Governador e os depoimentos dos empresários que já investem em São Paulo demonstra que um dos mais importantes atrativos do Estado é a confiança na estabilidade das regras do jogo e a transparência. As referências do Governador a indústria de cana-de-açúcar mostram que o setor continua na agenda política e econômica do Estado. ”
Promovido pelo LIDE – Grupo de Líderes Empresariais e pela Câmara de Comércio Brasileira - Americana (Brazilian - American Chamber of Commerce), e com foco nas possibilidades de investimentos no Estado de São Paulo, o seminário reuniu centenas de empresários e investidores nacionais e internacionais. O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, depois de ser homenageado na noite anterior com o Prêmio Personalidade do Ano, participou da abertura do evento.