atendimento@revistacanavieiros.com.br (16) 3946-3300

Guarani bate recorde de moagem na safra 2013/14

26/12/2013 Cana-de-Açúcar POR: Reuters
A Guarani, controlada do grupo francês Tereos, encerrou a safra 2013/14 com uma moagem recorde de cana de 19,7 milhões de toneladas, aproximadamente 8,2 por cento maior do que a temporada anterior, informou a empresa nesta segunda-feira em um comunicado.
A empresa creditou seus bons resultados a um clima favorável e maiores investimentos. 
"O clima nos favoreceu, mas dois fatores também influenciaram os bons resultados: o investimento no canavial e na agricultura de precisão", declarou o diretor-presidente da Guarani, Alberto Pedrosa. 
Na temporada, a empresa atingiu o índice de 93 por cento de mecanização da colheita de cana própria e registrou um rendimento agrícola de 92 toneladas por hectare, 10,6 por cento acima da média do setor no Estado de São Paulo, acrescentou o comunicado. 
Em 2013, a Guarani dobrou sua capacidade de venda de energia para 800 MWh. 
(Por Laiz de Souza) 
A Guarani, controlada do grupo francês Tereos, encerrou a safra 2013/14 com uma moagem recorde de cana de 19,7 milhões de toneladas, aproximadamente 8,2 por cento maior do que a temporada anterior, informou a empresa nesta segunda-feira em um comunicado.
A empresa creditou seus bons resultados a um clima favorável e maiores investimentos. 
"O clima nos favoreceu, mas dois fatores também influenciaram os bons resultados: o investimento no canavial e na agricultura de precisão", declarou o diretor-presidente da Guarani, Alberto Pedrosa. 
Na temporada, a empresa atingiu o índice de 93 por cento de mecanização da colheita de cana própria e registrou um rendimento agrícola de 92 toneladas por hectare, 10,6 por cento acima da média do setor no Estado de São Paulo, acrescentou o comunicado. 
Em 2013, a Guarani dobrou sua capacidade de venda de energia para 800 MWh. 
(Por Laiz de Souza)