atendimento@revistacanavieiros.com.br (16) 3946-3300

Moagem de cana alcança 53,27 mi/ton e supera 88% da estimativa em MG

13/11/2013 Cana-de-Açúcar POR: Siamig - MG
A moagem de cana-de-açúcar no estado de Minas Gerais, até 01/11, chegou a 53,27 milhões de toneladas, crescimento de 15,49% sobre a safra passada. A moagem está em torno de 88% da estimativa da Siamig de 60 milhões de toneladas, além de também ter superado o total de moagem da safra passada, finalizada em 51,7 milhões.
 
A produção de açúcar alcançou 3 milhões de toneladas e apresenta uma redução de 1,5% sobre a produção da safra passada. Já a produção de etanol atingiu 2,3 bilhões de litros, aumento de 31% sobre a produção da última safra, deste volume 54,7% referem-se à produção de etanol hidratado.
 
De acordo com o secretário executivo da Siamig, Mário Campos, a produção acumulada de etanol da safra 2013/14 se igualou à da safra 2010/2011, até então a safra que apresentou maior produção de etanol no histórico do Estado. Mário Campos também ressalta que até o momento apenas duas empresas encerraram a produção, número inferior em relação a safra 2012/13 que no mesmo período já contava com seis empresas.
 
 
Centro-Sul
 
O volume de cana-de-açúcar processada pelas unidades produtoras da região Centro-Sul totalizou, até 01/11, 510,12 milhões de toneladas, contra 455,49 milhões de toneladas apuradas até a mesma data de 2012, crescimento de 11,99%. No acumulado da safra, a produção de etanol somou 21,83 bilhões de litros (alta de 19,77% sobre o último ano), sendo 12,34 bilhões de litros de etanol hidratado e 9,49 bilhões de litros de etanol anidro.
 
A produção de açúcar alcançou 29,56 milhões de toneladas, praticamente a mesma quantidade observada na safra 2012/2013 (29,34 milhões de toneladas). Já as vendas de etanol pelas unidades produtoras da região Centro-Sul atingiram 2,23 bilhões de litros em outubro deste ano, contra 2,16 bilhões verificados na mesma data de 2012.
 
Do volume total comercializado em outubro de 2013, 170,43 milhões de litros destinaram-se às exportações e 2,06 bilhões de litros ao mercado interno, com expressivo crescimento de 19,23% em relação ao volume comercializado domesticamente na safra 2012/2013.
 
Do montante direcionado ao abastecimento do mercado nacional, 809,87 milhões de litros referem-se ao etanol anidro e 1,25 bilhão de litros ao etanol hidratado, alta de 12,95% no comparativo com o mesmo período do último ano. No acumulado de abril até 1º de novembro, as vendas somaram 15,47 bilhões de litros, sendo 2,13 bilhões de litros direcionados ao mercado externo e 13,34 bilhões de litros comercializados no mercado interno.