atendimento@revistacanavieiros.com.br (16) 3946-3300

Moagem de cana-de-açúcar da São Martinho cresce 19,8% na safra

01/12/2014 Cana-de-Açúcar POR: Folha de São Paulo
A moagem de cana-de-açúcar nas quatro usinas do Grupo São Martinho teve alta de 19,8% na safra 2014/2015 em relação à anterior, segundo os dados divulgados nesta sexta-feira (28) ao mercado.
No total, foram processadas 18,7 milhões de toneladas de cana, ante os 15,9 milhões na safra passada. A moagem nas usinas do grupo já foi encerrada.
Segundo o grupo, a moagem atingiu 95,1% do previsto no início da safra em decorrência da estiagem que atingiu os canaviais.
No período, a produção do etanol (anidro e hidratado) foi de 789 milhões de litros, com alta de 6,62% em relação a safra passada. Também foram produzidas 1,23 milhão de toneladas de açúcar.
O grupo mantém usinas em Américo Brasiliense (283 km de São Paulo), Pradópolis (315 km de São Paulo), Iracemápolis (157 km de São Paulo) e em Quirinópolis, em Goiás.
A moagem de cana-de-açúcar nas quatro usinas do Grupo São Martinho teve alta de 19,8% na safra 2014/2015 em relação à anterior, segundo os dados divulgados nesta sexta-feira (28) ao mercado.
No total, foram processadas 18,7 milhões de toneladas de cana, ante os 15,9 milhões na safra passada. A moagem nas usinas do grupo já foi encerrada.
Segundo o grupo, a moagem atingiu 95,1% do previsto no início da safra em decorrência da estiagem que atingiu os canaviais.
No período, a produção do etanol (anidro e hidratado) foi de 789 milhões de litros, com alta de 6,62% em relação a safra passada. Também foram produzidas 1,23 milhão de toneladas de açúcar.
O grupo mantém usinas em Américo Brasiliense (283 km de São Paulo), Pradópolis (315 km de São Paulo), Iracemápolis (157 km de São Paulo) e em Quirinópolis, em Goiás.