atendimento@revistacanavieiros.com.br (16) 3946-3300

ORPLANA e Canaoeste reúnem produtores na Fenasucro

20/08/2015 Cana-de-Açúcar
O “XV Encontro Anual de Produtores de Cana-de-Açúcar”, organizado pela ORPLANA (Organização de Plantadores de Cana da Região Centro-Sul do Brasil) e pela CANAOESTE (Associação dos Plantadores de Cana do Oeste do Estado de São Paulo), deverá reunir, no último dia da Fenasucro (28), a classe produtiva do setor canavieiro, parlamentares e líderes envolvidos no segmento para debater os mecanismos estratégicos para o futuro da cana-de-açúcar e seus subprodutos. As duas entidades organizadoras do evento representam, juntas, cerca de 20 mil fornecedores de cana da região Centro-Sul, sendo a ORPLANA ligada a 34 associações de fornecedores de cana e a CANAOESTE, com 12 escritórios regionais, atuante em 78 municípios, tendo 36 unidades industriais envolvidas.
A abertura do evento, cujo tema será “Sobrevivendo à Crise: Enxergando Além da Cana”, será feita pelo presidente das entidades, Manoel Ortolan, que vai apresentar o projeto de reestruturação da ORPLANA. Em seguida, terá início o primeiro painel comandado pelo professor titular da FEA/USP Dr. Marcos Fava Neves, em que haverá a participação de pequenos, médios e grandes produtores de cana e serão abordadas visões estratégicas e alternativas para a sobrevivência da classe. 
Para o segundo painel, também coordenado por Fava Neves e com a presença de presidentes de associações de classe, foi escolhido o tema “Pagamento de Cana: da tonelada bruta ao CONSECANA – Desafios Atuais”. O palestrante fará uma apresentação sobre o sistema, desde a época da política governamental executada pelo IAA (Instituto do Açúcar e do Álcool) até os dias atuais, evidenciando as evoluções ocorridas, como a criação do CONSECANA, seus objetivos, as épocas de revisão, e apontará os desafios atuais, buscando atender o preço justo da matéria-prima junto às unidades industriais, bem como discutir as premissas importantes que deverão nortear o aprimoramento do modelo atual de pagamento da cana. 
No terceiro e último painel, o Secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Arnaldo Jardim, fará o lançamento do Programa de Financiamento para Viveiros de Produção de Mudas MPB. “No momento em que o desafio da produtividade agrícola para o setor canavieiro é de uma presença cada vez maior, é ao lado de novas variedades que ele conseguirá progredir”, afirma Jardim. “Vamos aproveitar uma ocasião muito especial, que é a Fenasucro, e um momento muito importante e tradicional, que é a manhã de sexta-feira, quando, tradicionalmente, a ORPLANA faz ali, com todas as associações, o espaço de reflexão e de repensar a questão canavieira, para formalizar e anunciar essa nova linha de financiamento para viveiros para produção de mudas pré-brotadas de cana-de-açúcar. É uma linha de financiamento do FEAP (Fundo de Expansão do Agronegócio Paulista), portanto a uma condição muito favorável para que isso possa ser feito”, explica.
O secretário destaca, ainda, a relevância de se investir no sistema de mudas pré-brotadas em um cenário no qual a busca pela maior produtividade é apontada como um fator para a retomada do segmento canavieiro. “A mecanização exigiu novas modalidades de plantio, demandando mais mudas, ao mesmo tempo em que se faz necessário reduzir custos. Neste sentido, o sistema de mudas pré-brotadas, desenvolvido pelo nosso Centro de Cana, vinculado ao Instituto Agronômico da SAA, é absolutamente inovador”.  
O encerramento do encontro contará novamente com a palavra de Manoel Ortolan e diversas lideranças das entidades, além de autoridades. Nesta edição, o evento será realizado no Cred Clube Copercana, em Sertãozinho-SP, localizado bem próximo à Fenasucro. 
“XV Encontro Anual de Produtores de Cana-de-Açúcar”
Data e Horário: 28 de agosto, a partir das 8h 
Local: Cred Clube Copercana 
Endereço: Rua das Violetas, 26 - Chácaras Planalto - Sertãozinho- SP
O “XV Encontro Anual de Produtores de Cana-de-Açúcar”, organizado pela ORPLANA (Organização de Plantadores de Cana da Região Centro-Sul do Brasil) e pela CANAOESTE (Associação dos Plantadores de Cana do Oeste do Estado de São Paulo), deverá reunir, no último dia da Fenasucro (28), a classe produtiva do setor canavieiro, parlamentares e líderes envolvidos no segmento para debater os mecanismos estratégicos para o futuro da cana-de-açúcar e seus subprodutos. As duas entidades organizadoras do evento representam, juntas, cerca de 20 mil fornecedores de cana da região Centro-Sul, sendo a ORPLANA ligada a 34 associações de fornecedores de cana e a CANAOESTE, com 12 escritórios regionais, atuante em 78 municípios, tendo 36 unidades industriais envolvidas.
A abertura do evento, cujo tema será “Sobrevivendo à Crise: Enxergando Além da Cana”, será feita pelo presidente das entidades, Manoel Ortolan, que vai apresentar o projeto de reestruturação da ORPLANA. Em seguida, terá início o primeiro painel comandado pelo professor titular da FEA/USP Dr. Marcos Fava Neves, em que haverá a participação de pequenos, médios e grandes produtores de cana e serão abordadas visões estratégicas e alternativas para a sobrevivência da classe. 
Para o segundo painel, também coordenado por Fava Neves e com a presença de presidentes de associações de classe, foi escolhido o tema “Pagamento de Cana: da tonelada bruta ao CONSECANA – Desafios Atuais”. O palestrante fará uma apresentação sobre o sistema, desde a época da política governamental executada pelo IAA (Instituto do Açúcar e do Álcool) até os dias atuais, evidenciando as evoluções ocorridas, como a criação do CONSECANA, seus objetivos, as épocas de revisão, e apontará os desafios atuais, buscando atender o preço justo da matéria-prima junto às unidades industriais, bem como discutir as premissas importantes que deverão nortear o aprimoramento do modelo atual de pagamento da cana. 
No terceiro e último painel, o Secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Arnaldo Jardim, fará o lançamento do Programa de Financiamento para Viveiros de Produção de Mudas MPB. “No momento em que o desafio da produtividade agrícola para o setor canavieiro é de uma presença cada vez maior, é ao lado de novas variedades que ele conseguirá progredir”, afirma Jardim. “Vamos aproveitar uma ocasião muito especial, que é a Fenasucro, e um momento muito importante e tradicional, que é a manhã de sexta-feira, quando, tradicionalmente, a ORPLANA faz ali, com todas as associações, o espaço de reflexão e de repensar a questão canavieira, para formalizar e anunciar essa nova linha de financiamento para viveiros para produção de mudas pré-brotadas de cana-de-açúcar. É uma linha de financiamento do FEAP (Fundo de Expansão do Agronegócio Paulista), portanto a uma condição muito favorável para que isso possa ser feito”, explica.
O secretário destaca, ainda, a relevância de se investir no sistema de mudas pré-brotadas em um cenário no qual a busca pela maior produtividade é apontada como um fator para a retomada do segmento canavieiro. “A mecanização exigiu novas modalidades de plantio, demandando mais mudas, ao mesmo tempo em que se faz necessário reduzir custos. Neste sentido, o sistema de mudas pré-brotadas, desenvolvido pelo nosso Centro de Cana, vinculado ao Instituto Agronômico da SAA, é absolutamente inovador”.  
O encerramento do encontro contará novamente com a palavra de Manoel Ortolan e diversas lideranças das entidades, além de autoridades. Nesta edição, o evento será realizado no Cred Clube Copercana, em Sertãozinho-SP, localizado bem próximo à Fenasucro. 
“XV Encontro Anual de Produtores de Cana-de-Açúcar”
Data e Horário: 28 de agosto, a partir das 8h 
Local: Cred Clube Copercana 
Endereço: Rua das Violetas, 26 - Chácaras Planalto - Sertãozinho- SP