atendimento@revistacanavieiros.com.br (16) 3946-3300

Produção de cana de açúcar em MG bate recorde com 64,150 milhões de t

29/01/2016 Cana-de-Açúcar POR: Assessoria de Comunicação, 28/1/16
A moagem de cana de açúcar em Minas Gerais 2014/15 está praticamente encerrada em 64,150 milhões de toneladas, alta de 9,52% frente as 58,574 milhões de t da safra 2013/14. Das três empresas que ainda permaneceram moendo no mês de janeiro, duas já encerraram as atividades e apenas uma usina continua em moagem, mas não trará impactos maiores aos números atuais.
A produção de açúcar já se encontra consolidada em 3,236 milhões de t, redução de 0,63% frente as 3,256 milhões de t da safra passada. A produção de anidro fechou em 1,038 bilhões de litros, queda de -10,07% na comparação dos 1,155 bilhões de litros da safra passada. A produção de hidratado (que ainda pode sofrer uma pequena alteração em função da empresa que continua moendo) está em 1,997 bilhões de litros, alta de 30,67% frente aos 1,528 bilhões de litros da safra 2013/14.
As chuvas atrapalharam as três usinas que permaneceram em moagem neste mês de janeiro, que contou com uma produção de 60 mil toneladas, metade da ocorrida no mesmo mês do ano passado de 125 mil toneladas, apenas com duas usinas em moagem. “Hoje temos em Minas Gerais apenas uma usina em moagem e podemos dizer que a safra está praticamente encerrada e o estado contabiliza um recorde de produção”, afirma o presidente da SIAMIG, Mário Campos.
A moagem de cana de açúcar em Minas Gerais 2014/15 está praticamente encerrada em 64,150 milhões de toneladas, alta de 9,52% frente as 58,574 milhões de t da safra 2013/14. Das três empresas que ainda permaneceram moendo no mês de janeiro, duas já encerraram as atividades e apenas uma usina continua em moagem, mas não trará impactos maiores aos números atuais.
A produção de açúcar já se encontra consolidada em 3,236 milhões de t, redução de 0,63% frente as 3,256 milhões de t da safra passada. A produção de anidro fechou em 1,038 bilhões de litros, queda de -10,07% na comparação dos 1,155 bilhões de litros da safra passada. A produção de hidratado (que ainda pode sofrer uma pequena alteração em função da empresa que continua moendo) está em 1,997 bilhões de litros, alta de 30,67% frente aos 1,528 bilhões de litros da safra 2013/14.
As chuvas atrapalharam as três usinas que permaneceram em moagem neste mês de janeiro, que contou com uma produção de 60 mil toneladas, metade da ocorrida no mesmo mês do ano passado de 125 mil toneladas, apenas com duas usinas em moagem. “Hoje temos em Minas Gerais apenas uma usina em moagem e podemos dizer que a safra está praticamente encerrada e o estado contabiliza um recorde de produção”, afirma o presidente da SIAMIG, Mário Campos.