atendimento@revistacanavieiros.com.br (16) 3946-3300

Produção de cana pode chegar a 595,13 milhões de toneladas

12/12/2012 Cana-de-Açúcar POR: MAPA
A produção de cana-de-açúcar na safra 2012/13 deve aumentar 6,5%, passando de 560,36 milhões de toneladas na safra anterior para 595,13 milhões de toneladas na atual. A previsão foi divulgada nesta quarta-feira, 12 de dezembro, pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).
Também houve elevação da área de corte de 8.356,1 mil hectares para 8.520,5 mil hectares. O percentual de recuperação da produtividade média das lavouras ficou estimado em 4,2%.
Em relação à produção de açúcar, espera-se um incremento de 4,72%, totalizando 37,66 milhões. Por outro lado, a produção total de etanol diminuirá 5,22%, passando de 24,93 bilhões de litros para 23,62 bilhões. A produção do etanol anidro, que se destina à mistura com a gasolina, deve reduzir 0,88%, mudando de 9,75 bilhões de litros para 9,66 bilhões. Já o etanol hidratado, utilizado nos veículos "flex-fuel", caiu 8% (de 15,18 bilhões de litros para 13,96 bilhões).
Os números ainda não estão fechados, o que só deve ocorrer em abril do próximo ano com a participação da produção nordestina que está em andamento. São também menos expressivos do que os do último levantamento de abril passado, mas continuam superiores aos apresentados na safra 2011/12. O motivo é a normalização das condições climáticas que favoreceram, sobretudo, os canaviais da região Centro-Sul.
Os dados são do terceiro levantamento da safra 2012/13 de cana-de-açúcar realizado pela Conab.