atendimento@revistacanavieiros.com.br (16) 3946-3300

Safra antecipada da cana cria 4 mil empregos em Piracicaba, diz Afocapi

29/02/2016 Cana-de-Açúcar POR: Portal G1
A colheita da cana-de-açúcar, prevista para os meses de abril e maio, vai começar mais cedo neste ano, na primeira quinzena de março. A antecipação da safra deverá movimentar o mercado de trabalho formal e gerar cerca de 4 mil empregos na região de Piracicaba. Na macrorregião, com 75 municípios, o número de vagas abertas pode chegar a 11 mil. As previsões são da Associação dos Fornecedores de Cana de Piracicaba (Afocapi).
"O processo de seleção e contratação de trabalhadores já começou em algumas usinas", ressaltou o presidente da associação, José Coral. Na microrregião de Piracicaba, serão admitidos de 3,5 mil a 4 mil funcionários para atuar diretamente nas usinas, no corte decana, segundo ele.
Na macrorregião, que compreende 75 municípios da nossa área como São Pedro (SP), Santa Maria da Serra (SP), Charqueada (SP), Araras (SP) entre outros, serão ao menos mais sete mil trabalhadores que serão admitidos para funções diretas e em outras atividades nas usinas ou nas máquinas, como tratoristas. A maioria da colheita hoje, cerca de 80%, é feita de maneira mecânica, disse Coral.
De acordo com ele, um dos motivos da antecipação da safra foi a sobra de cana-de-açúcar em pé, chamada de bisada, que atingiu cerca de 20% de toda produção do ano passado. "Na microrregião de Piracicaba, foram cerca de cinco milhões de toneladas de cana que ficaram do ano passado para este ano, por isso a necessidade de começar a colheita para que não haja perdas", explicou.
Baixo estoque de álcool
Um segundo motivo para a colheita ser adiantada é o baixo estoque de álcool. "Precisamos moer, pelo menos, 10 milhões de toneladas de cana para equilibrar a situação", ressaltou. A terceira razão é a instabilidade climática. "Não sabemos o que vai acontecer neste ano, se vai chover muito ou não, se o clima será favorável", acrescentou.
Hectares
A região que abrange todos os municípios da Afocapi tem aproximadamente 150 mil hectares. Ao todo, foram plantados 20% desse total.
A colheita da cana-de-açúcar, prevista para os meses de abril e maio, vai começar mais cedo neste ano, na primeira quinzena de março. A antecipação da safra deverá movimentar o mercado de trabalho formal e gerar cerca de 4 mil empregos na região de Piracicaba. Na macrorregião, com 75 municípios, o número de vagas abertas pode chegar a 11 mil. As previsões são da Associação dos Fornecedores de Cana de Piracicaba (Afocapi).
"O processo de seleção e contratação de trabalhadores já começou em algumas usinas", ressaltou o presidente da associação, José Coral. Na microrregião de Piracicaba, serão admitidos de 3,5 mil a 4 mil funcionários para atuar diretamente nas usinas, no corte decana, segundo ele.
Na macrorregião, que compreende 75 municípios da nossa área como São Pedro (SP), Santa Maria da Serra (SP), Charqueada (SP), Araras (SP) entre outros, serão ao menos mais sete mil trabalhadores que serão admitidos para funções diretas e em outras atividades nas usinas ou nas máquinas, como tratoristas. A maioria da colheita hoje, cerca de 80%, é feita de maneira mecânica, disse Coral.
De acordo com ele, um dos motivos da antecipação da safra foi a sobra de cana-de-açúcar em pé, chamada de bisada, que atingiu cerca de 20% de toda produção do ano passado. "Na microrregião de Piracicaba, foram cerca de cinco milhões de toneladas de cana que ficaram do ano passado para este ano, por isso a necessidade de começar a colheita para que não haja perdas", explicou.
Baixo estoque de álcool
Um segundo motivo para a colheita ser adiantada é o baixo estoque de álcool. "Precisamos moer, pelo menos, 10 milhões de toneladas de cana para equilibrar a situação", ressaltou. A terceira razão é a instabilidade climática. "Não sabemos o que vai acontecer neste ano, se vai chover muito ou não, se o clima será favorável", acrescentou.
Hectares
A região que abrange todos os municípios da Afocapi tem aproximadamente 150 mil hectares. Ao todo, foram plantados 20% desse total.