atendimento@revistacanavieiros.com.br (16) 3946-3300

Usina Diana ganha nova moenda, caldeira e casa de força

11/12/2014 Cana-de-Açúcar POR: Agência UDOP de Notícia
A Usina Diana, de Avanhandava/SP, inaugurou no último sábado (6), uma nova linha de moenda, caldeira e casa de força. A conquista representa a ampliação da moagem e da produção de açúcar, além da cogeração de energia para uso interno.
O investimento estimado em mais de 40 milhões de reais surgiu da necessidade de aproveitar a cana-de-açúcar da região. "Quando notamos que tinha uma capacidade ociosa de cana, dentro do nosso raio médio que é de 18,7 quilômetros, resolvemos começar a pensar nesse aumento de moagem e fabricação de açúcar", explica o diretor da Diana, Ricardo Junqueira.
A cerimônia de inauguração dos novos empreendimentos foi realizada no parque industrial da usina, e contou com a presença de colaboradores, amigos e parceiros. A UDOP esteve representada por seu presidente-executivo Antonio Cesar Salibe, além de uma equipe da TV UDOP.
A inauguração homenageou o fundador da Diana, Armando Viana Egreja, denotando a ele o nome da Moenda 1 e também a Sebastião Muniz de Queiroz, diretor da Usina Diana há mais de 40 anos e grande amigo da família, que dá nome à moenda 2.
A ampliação em um momento de crise, demonstra a coragem da usina em efetuar investimentos, que segundo Renata Sodré Junqueira, vem de seu pai, Armando Viana Egreja. "Ele sempre colocou pra nós que nada na vida você pode contar como seguro. Você tem que estar sempre buscando a superação", ressalta Renata.
Para conferir como foi a solenidade de inauguração dos novos empreendimentos, clique aqui. Se preferir acesse nosso canal do Youtube: www.youtube.com/tvudop.
A Usina Diana, de Avanhandava/SP, inaugurou no último sábado (6), uma nova linha de moenda, caldeira e casa de força. A conquista representa a ampliação da moagem e da produção de açúcar, além da cogeração de energia para uso interno.
O investimento estimado em mais de 40 milhões de reais surgiu da necessidade de aproveitar a cana-de-açúcar da região. "Quando notamos que tinha uma capacidade ociosa de cana, dentro do nosso raio médio que é de 18,7 quilômetros, resolvemos começar a pensar nesse aumento de moagem e fabricação de açúcar", explica o diretor da Diana, Ricardo Junqueira.
A cerimônia de inauguração dos novos empreendimentos foi realizada no parque industrial da usina, e contou com a presença de colaboradores, amigos e parceiros. A UDOP esteve representada por seu presidente-executivo Antonio Cesar Salibe, além de uma equipe da TV UDOP.
A inauguração homenageou o fundador da Diana, Armando Viana Egreja, denotando a ele o nome da Moenda 1 e também a Sebastião Muniz de Queiroz, diretor da Usina Diana há mais de 40 anos e grande amigo da família, que dá nome à moenda 2.
A ampliação em um momento de crise, demonstra a coragem da usina em efetuar investimentos, que segundo Renata Sodré Junqueira, vem de seu pai, Armando Viana Egreja. "Ele sempre colocou pra nós que nada na vida você pode contar como seguro. Você tem que estar sempre buscando a superação", ressalta Renata.
Para conferir como foi a solenidade de inauguração dos novos empreendimentos, clique aqui. Se preferir acesse nosso canal do Youtube: www.youtube.com/tvudop.