atendimento@revistacanavieiros.com.br (16) 3946-3300

Usinas do Centro-Sul produzem mais etanol hidratado, mostra balanço de safra

28/04/2015 Cana-de-Açúcar POR: Agência UDOP
Nesta terça-feira (28), a União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica) divulgou um balanço com os números da safra 2015/16 no Centro-Sul do Brasil. Segundo o levantamento, até 15 de abril, a unidades produtoras processaram 18,3 milhões de toneladas de cana, 11,41% a mais do que no mesmo período da safra passada. 
No período analisado no levantamento, 166 usinas estavam em operação, contra 163 unidades registradas até a mesma data de 2014. Hoje, 28 de abril, mais de 200 unidades produtoras encontram-se em safra. 
Mais alcooleira
Ainda de acordo com o levantamento, a safra 2015/16 tem sido mais alcooleira do que a anterior. O volume produzido de etanol hidratado, no acumulado desde o início da atual safra até 15 de abril, somou 681,14 milhões de litros, uma alta de 52% sobre o valor apurado no mesmo período de 2014. A produção de etanol anidro atingiu 119,49 milhões de litros, já a quantidade fabricada de açúcar totalizou 548 mil toneladas, retração de 1,99% em comparação com o mesmo período da safra passada.
Até o dia 15 de abril, apenas 81 usinas tinham iniciado a safra no Estado de São Paulo, cinco a menos do que na mesma data de 2014. O resultado foi uma moagem 26,74% inferior quando comparada àquela observada no mesmo período do último ano. Segundo o balanço, outro fator que contribuiu para esta queda da moagem paulista foi o fato da atual safra ter iniciado tardiamente, com atraso médio de quatro dias em relação à data de início da safra anterior, além das condições para colheita menos favoráveis quando comparada aos demais estados diante do maior volume de chuvas.
Nesta terça-feira (28), a União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica) divulgou um balanço com os números da safra 2015/16 no Centro-Sul do Brasil. Segundo o levantamento, até 15 de abril, a unidades produtoras processaram 18,3 milhões de toneladas de cana, 11,41% a mais do que no mesmo período da safra passada. 
No período analisado no levantamento, 166 usinas estavam em operação, contra 163 unidades registradas até a mesma data de 2014. Hoje, 28 de abril, mais de 200 unidades produtoras encontram-se em safra. 
Mais alcooleira
Ainda de acordo com o levantamento, a safra 2015/16 tem sido mais alcooleira do que a anterior. O volume produzido de etanol hidratado, no acumulado desde o início da atual safra até 15 de abril, somou 681,14 milhões de litros, uma alta de 52% sobre o valor apurado no mesmo período de 2014. A produção de etanol anidro atingiu 119,49 milhões de litros, já a quantidade fabricada de açúcar totalizou 548 mil toneladas, retração de 1,99% em comparação com o mesmo período da safra passada.
Até o dia 15 de abril, apenas 81 usinas tinham iniciado a safra no Estado de São Paulo, cinco a menos do que na mesma data de 2014. O resultado foi uma moagem 26,74% inferior quando comparada àquela observada no mesmo período do último ano. Segundo o balanço, outro fator que contribuiu para esta queda da moagem paulista foi o fato da atual safra ter iniciado tardiamente, com atraso médio de quatro dias em relação à data de início da safra anterior, além das condições para colheita menos favoráveis quando comparada aos demais estados diante do maior volume de chuvas.